Untitled Document
DESTAQUES
Página Inicial  
Gestão Ambiental  
Programas e Resultados  
Notícias dos Programas  
Notícias  
Galeria de Imagens  
Videos  
ESGA TV  
Portfólio  
 
Clipping  
Intranet  
   
O EMPREENDIMENTO
 
 
   
CONTATO
Fale Conosco  
   
CADASTRE-SE
Receba as novidades da BR-101 Sul no seu email.

 
 
 
 
Para retornos, usuários da BR-101 têm pontos de retorno a cada dois quilômetros
Notícia publicada em: 08/05/2018

Com a duplicação de pistas e aumento nos limites de velocidade, o trânsito pela BR-101 Sul catarinense, entre Paulo Lopes a Passo de Torres, ficou mais rápido e seguro. Além da redução de tempo em movimentação, os usuários da rodovia federal podem contar com pontos para retorno de sentido a cada dois quilômetros, aproximadamente. A construção de 111 viadutos, ao longo de 248,5 quilômetros – 103 deles no trecho ainda não concessionado da rodovia federal – possibilita a circulação de pedestres, de veículos entre bairros e retorno de sentido de viagem a cada 2,23 kms, em média. Somados aos viadutos, o DNIT/SC disponibilizou, ainda, seis retornos em nível, distribuídos em Paulo Lopes, Laguna (sob a Ponte Anita Garibaldi), Tubarão, Araranguá e São João do Sul. 


Antes da duplicação de pistas, os motoristas precisavam trafegar até o acesso a bairros ou municípios, onde os retornos em nível existiam. Os viadutos, construídos sobre muitos desses contornos, são a forma mais confortável e segura de mudar a direção de fluxo, afastado da movimentação da rodovia. 


Com a construção de viadutos e a eliminação dos retornos sobre pista, os usuários da BR-101 Sul, sejam eles em trânsito de longo curso ou em tráfego local, devem atentar para a manobra de acessos das vias laterais. Nessas ruas laterais, o limite de velocidade é de 50 km/h, menor que no fluxo das pistas duplicadas. Toda a indicação para os locais de retorno de sentido ou acessos laterais é orientada por painéis, placas de indicação, pórticos e semipórticos instalados no trecho catarinense, pertencentes à sinalização definitiva da BR-101. 


Ao acessar as vias laterais, para completar a manobra de retorno ou acesso às cidades lindeiras, os motoristas devem ter atenção, primeiro, à sinalização vertical indicatória para ter certeza que naquele ponto da rodovia é possível a entrada. Anterior aos viadutos, o DNIT/SC instalou painéis, com a altura das estruturas, para que transportadores de carga meçam o tamanho da carga e façam a manobra de retorno. 


Nos trechos duplicados, o retorno de sentido deve ser feito sob as obras de arte especiais (OAEs), liberadas. Os cuidados devem ser redobrados ao acessar as pistas sob os viadutos, observando o fluxo de veículos nas vias lindeiras, bem como a altura das estruturas. Nas vias lindeiras, a faixa da direita serve para tráfego local, entre bairros. Em algumas vias laterais, como em Tubarão, Içara, Maracajá, Sombrio e Santa Rosa do Sul há tráfego de veículos em duplo sentido, sendo que os usuários devem ficar atentos à sinalização vertical disposta.


Além das OAEs, a mudança de sentido nas faixas de rolagem pode ser realizada em retornos em nível, construídos em trechos duplicados da BR-101 Sul. Há retornos em nível no km 262, em Paulo Lopes, km 313, em Laguna, km 344, em Tubarão, no km 406, entre os viadutos de transposição do banhado de Maracajá, e no km 460 e km 461, em Santa Rosa do Sul. Nestes trechos os motoristas dev

 

 

Galeria de Fotos

   
23/05/2018 - Passa-faunas devem ser preservadas, para proteção dos animais silvestres
23/05/2018 - DNIT/SC e Consórcio realizam atividades para Semana do Meio Ambiente
22/05/2018 - Atenção usuários: BR-101 Sul/SC tem melhorias no pavimento a partir de quarta, 23
16/05/2018 - DNIT/SC faz acréscimo de sinalização vertical em Pescaria Brava
16/05/2018 - DNIT/SC e Consórcio trazem Educação Ambiental para escola de Laguna
Todas Notícias
menu_esquerdo
LAGUNA/SC
TUBARÃO/SC
PALHOÇA/SC
COMPARTILHE

Acesse a ESGA TV

 
 
 
EVENTOS AO VIVO

 

Todos os Direitos Reservados | 101sul.com.br | CONCREMAT - TECNOSOLO - WORLEYPARSONS